out 192014
 

ONZE MILHÕES DE MORADIAS Recente pesquisa da Fundação Getúlio Vargas, denominada Políticas Permanentes de Habitação, aponta para a necessidade de serem construídas mais de 11 milhões de moradias sociais no País – isso apenas para suprir metade do déficit habitacional que existirá em 10 anos, com o surgimento de 16,8 milhões de novas famílias. Para tanto, serão necessários recursos na [Leia mais...]

out 122014
 

REGISTRO IMOBILIÁRIO ÚNICO Medida provisória editada pelo Governo Federal determinou a criação de um registro único para os imóveis, concentrando nas respectivas matrículas todas as informações que lhes digam respeito. Também nas matrículas deverão ser anotados todos os atos judiciais envolvendo os proprietários, que afetem os imóveis. Será uma espécie de Renavam imobiliário, objetivando aumentar a segurança dos negócios e [Leia mais...]

out 062014
 

PORTABILIDADE DE CRÉDITO A Proteste – Associação de Consumidores, em parceria com o Canal do Crédito, criou uma ferramenta que permite a um mutuário verificar se vale a pena transferir seu financiamento habitacional para outro banco, fazendo uso da chamada portabilidade. Quem desejar fazer uma simulação, basta acessar a página da internet www.proteste.org.br/portabilidadedocredito. QUESTÃO DE PONTO DE VISTA De acordo [Leia mais...]

set 282014
 

CHAVE NO SMARTPHONE A rede de hotéis Hilton anunciou um investimento de USD 550 milhões numa nova tecnologia, que permitirá a qualquer hóspede fazer reserva, check-in e abertura da porta do seu quarto utilizando apenas o smartphone. A ideia é que o sistema esteja em funcionamento ainda em 2016. Várias outras cadeias hoteleiras também estão se preparando para adotar processo [Leia mais...]

set 212014
 

QUEM PODE TOMAR EMPRÉSTIMO Simulações feitas pelo Canal do Crédito – site comparador de custos de financiamentos – junto aos bancos oficiais, indica que uma família com renda de R$ 6 mil está apta a financiar um imóvel de R$ 186 mil, dando uma entrada de 10% e parcelando o saldo em 30 anos. As famílias com renda inferior a [Leia mais...]

set 152014
 

AVALIAÇÃO TECNOLÓGICA O portal imobiliário Zap disponibilizou uma ferramenta gratuita, denominada Mapa de Preços, que possibilita a um interessado saber o valor de mercado de um imóvel residencial nas principais cidades brasileiras. O sistema tem capacidade para determinar o valor de uma unidade autônoma que faça parte de qualquer prédio anunciado no Zap nos últimos 10 anos, por zona, bairro [Leia mais...]

set 082014
 

OPINIÃO DE INVESTIDORES Segundo a Pesquisa Global da Opinião dos Investidores / 2014, realizada pela Franklin Templeton, nada menos que 23% dos investidores brasileiros creem que o mercado imobiliário é a melhor opção de investimento para os próximos 10 anos. Em 2º lugar, com 15%, surge a aplicação em bolsa de valores. Em 3º lugar, estão as commodities não-metálicas e [Leia mais...]

set 082014
 
Marina Silva: Minha Casa Minha Vida vai acabar

Vai vendo.. nesse artigo eu falei sobre a certeza de estouro da bolha imobiliária em um (suposto) governo de Marina Silva, e agora vamos mostrar como a candidata dos banqueiros pretende detonar o crédito e fazer o mercado imobiliário retroceder umas 2 décadas, especialmente para quem depende do Programa Minha Casa Minha Vida. Na página 60 do programa de governo [Leia mais...]

ago 312014
 

TECNOLOGIA RESIDENCIAL Termostato desenvolvido pela Nest, uma empresa do grupo Google, permite ao usuário ajustar a temperatura da sua casa através do celular. O dispositivo também conta com recursos inteligentes, como a função que “aprende” o comportamento do usuário por alguns dias, para fazer ajustes automáticos. A Apple e a Samsung também estão de olho na automação residencial. PASSEIOS VIRTUAIS [Leia mais...]

ago 272014
 
Marina Silva e a Bolha Imobiliária Brasileira

Há anos eu repito que a bolha imobiliária brasileira não estoura, ela murcha. O primeiro artigo foi em Julho/2012 em um site que nem existe mais (mas você pode conferir aqui, depois repetido no Fórum Imobiliário em Março/2013, ambos bastante criticados pelos “anti-bolha”, que querem porque querem que a bolha estoure imediatamente, e também por outros que não gostaram da [Leia mais...]