nov 082010
 

O QUE FAZ?

O corretor de imóveis é a pessoa que intermedia a relação comercial entre o vendedor e o cliente comprador. Cabe, portanto, ao corretor apresentar ao(s) comprador(es) o imóvel que será negociado, disponibilizando as informações necessárias para que a venda seja efetuada. Para seguir esta carreira legalmente é preciso que o corretor esteja credenciado junto ao CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). O corretor de imóveis pode ser bacharel em Ciências Imobiliárias, curso que tem duração de quatro anos. Pode também ter o curso de Gestão Imobiliária (com duração de dois anos) ou pode especializar-se como Técnico em Transações Imobiliárias, cuja duração é de apenas um ano.

PERFIL

Dentre as características necessárias para ser um corretor podemos citar a aptidão e o gosto por vendas. O trabalho deste profissional fica muito mais fácil se ele possuir carisma, bom humor, raciocínio espacial aguçado, paciência e aptidão para relacionar-se com o público, dedicação, argumentação e capacidade de convencimento, boa aparência e manter-se bem informado. As principais atividades de um corretor de imóveis são a organização da compra, locação, permuta, venda e incorporação de imóveis e a reunião dos documentos e papéis que serão usados na negociação; apresentação de imóveis para a visitação do público, bem como do projeto desenvolvido e dos arredores do imóvel; a intermediação da negociação e a verificação da correta construção do imóvel.

ONDE ATUA

O corretor pode trabalhar em empresas imobiliárias, construtoras, cartórios de registros de imóveis, leilões (empresas judiciárias), consórcios imobiliários, empresas de loteamento e planejamento imobiliário.

Fonte: Consultor Imobiliário

Se você gostou desse artigo, considere deixar um comentário ou assine nosso feed para receber futuros artigos no seu leitor de feeds.

  4 Comentários para “O Corretor de Imóveis”

  1. Bastante precisos e verdadeiros os comentarios acerca da profissão, dos profissionais e sobretudo do mercado, onde fica claro que a essencialidade do corretor de imoveis dependerá cada vez mais da sua competencia e qualificação, para ser competitivo e necessário a comunidade. Caso contrario perderá seu espaço e seu nicho será ocupado por diferentes tipos de agentes que o sucederão.

Deixe uma resposta