mai 142011
 

Competitividade, em qualquer segmento, também é sinônimo de acompanhamento das tendências do mercado. Nenhuma empresa cresce hoje sem acompanhar o movimento fora dela. No mercado imobiliário não é diferente. A cada dia que passa, mais e mais pessoas descobrem coisas que não eram conhecidas ontem, seja sobre comportamento do cliente, gerenciamento, vendas, marketing etc.

A verdade é que sai na frente quem se atualiza, quem recicla, quem busca novos ângulos de uma mesma paisagem.

As imobiliárias devem parar de simplesmente adaptar-se aos conceitos que já existem, de contentarem-se em sobreviver no mercado de acordo com as regras estabelecidas. Elas precisam acompanhar o crescimento do setor, motivar sua equipe de corretores para cursos, treinamentos, workshops que realmente despertem o ‘fechamento’ de um negócio. Elas necessitam valorizar o pensamento estratégico e o desenvolvimento profissional para que a equipe consiga enxergar o mercado e a partir daí nortear suas ações.

Óbvio que quando me refiro às imobiliárias também estou me referindo aos corretores autônomos, que crescem a cada dia nos grandes centros. ‘Profissionais empresa’ cada vez mais completos e dinâmicos.

Por onde começar? Comece pela informação. Use a internet, filtros de interesse, seja curioso, leia muito mas mantenha o foco. Aprofunde-se no que realmente importa para os seus negócios. Participe de eventos de referência do setor e forme a sua opinião.

Se você gostou desse artigo, considere deixar um comentário ou assine nosso feed para receber futuros artigos no seu leitor de feeds.

  2 Comentários para “A vantagem de ver o que os outros não vêem”

  1. Cego quem não vê

  2. quem não acompanha o mercado acaba sendo devorado pelo mesmo,  os corretores devem pensar como pensam os lutadores do mma quanto mais técnicas dominarem mais fácil será vencer o oponente, nós corretores somos os lutadores nesse caso e o oponente é o mercado, quem só domina um talento facilmente será derrotado por quem domina mais talentos leia-se preparações profissionais …

Deixe uma resposta