Últimas Notícias
Home / Editores / Carlos Alceu / Construções Apostam na Acessibilidade & Outras Notas

Construções Apostam na Acessibilidade & Outras Notas

ANIMAL DE ESTIMAÇÃO EM CONDOMÍNIO
Decisão judicial de segunda instância permitiu a um morador de condomínio manter um bicho de estimação em seu apartamento, apesar do regulamento interno do edifício dispor em contrário. O argumento é que se o animal não causa nenhuma perturbação, desconforto ou risco aos demais condôminos, deve-se admitir sua presença, sob pena de implicar restrições ao uso da propriedade.

A IMPORTÂNCIA DO SEGURO RESIDENCIAL
O seguro residencial é indicado para qualquer pessoa que resida num imóvel, principalmente para quem o aluga, visto que a responsabilidade por qualquer dano é do inquilino. Trata-se de um seguro que tem um custo relativamente pequeno e, além das indenizações, geralmente oferece facilidades como assistência 24 horas para chaveiro e reparos hidráulicos e elétricos.

CONSTRUÇÕES APOSTAM NA ACESSIBILIDADE
A cada dia que passa, os projetos construtivos dão mais valor à acessibilidade de cadeirantes e de pessoas com qualquer outro tipo de necessidade especial. Estimativas indicam que a valorização de prédios com tal característica chega a 20%, já que aproximadamente um quarto da população brasileira precisa desses recursos, incluindo idosos, gestantes, grávidas e obesos.

EMPRÉSTIMOS COM GARANTIA IMOBILIÁRIA
O empréstimo com garantia imobiliária é um dos mais baratos e de mais longo prazo dentre os disponíveis no mercado, para pessoas físicas; porém, existem restrições em relação aos tipos de imóveis aceitos pelos bancos. Por exemplo, não se admitem terrenos, construções de madeira, casas pré-fabricadas ou que estejam em obras ou em reforma, e imóveis localizados em regiões não urbanizadas.

FINANCIAMENTOS NÃO LIBERADOS
A CEF está sem recursos para liberar financiamentos aprovados do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que utilizem a linha de crédito pró-cotista, que usa recurso do FGTS para compra de imóveis com valores acima de R$ 220 mil e até R$ 750 mil. Além disso, a Caixa não está autorizada a financiar novas operações até que exista a suplementação de recursos pelo ministério gestor.

A IMPORTÂNCIA DAS ÁREAS DE LAZER
As pesquisas revelam que pelo menos metade dos compradores imobiliários procuram conhecer as áreas de lazer dos condomínios, antes de se decidirem pela compra de um apartamento. Movidas principalmente pelo sentimento de insegurança, boa parte dessas pessoas deseja que sua família se entretenha dentro do espaço condominial, para escapar da violência urbana.

IMÓVEIS VIA CELULAR
De acordo com a Empresa Brasileira de Comunicações, o acesso a internet via celular cresceu 50% no Brasil em 2015, e o número mais do que triplicou nos últimos 3 anos. Segundo o MarketingImob, é justamente por conta disso que o mercado imobiliário está redesenhando seus sites e blogs, priorizando o sistema mobile em detrimento dos computadores tradicionais.

COBRANÇA MAIS ÁGIL DO CONDOMÍNIO
Quando o novo Código de Processo Civil entrar em vigor, no próximo mês de março, as despesas condominiais passarão a ter natureza de título executivo extrajudicial, o que tornará a sua cobrança em juízo bem mais célere do que hoje. Atualmente, essas despesas só têm força de título executivo – o que permite a penhora de bens do devedor -, quando não cabem mais recursos contra a sentença que condenou um condômino inadimplente a pagá-las.

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Caixa Reduz Juros do Crédito Imobiliário & Outras Notas

CAIXA REDUZ OS JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO A Caixa Econômica Federal anunciou a redução da …