Últimas Notícias
Home / Editores / Carlos Alceu / Aumentou a Intenção de Compra & Outras Notas

Aumentou a Intenção de Compra & Outras Notas

INTENÇÃO DE COMPRA AUMENTOU NO PRIMEIRO TRIMESTRE
A intenção de compra de imóveis, no primeiro trimestre de 2016, teve uma alta de três pontos percentuais em relação aos últimos três meses de 2015, indica a pesquisa Raio-X, da FipeZap. No último trimestre do ano passado, 43% dos entrevistados informaram ter intenção de comprar um imóvel nos três meses seguintes; essa proporção aumentou para 46% no primeiro trimestre de 2016.

ALUGUEL VIRA ENTRADA NA COMPRA DE IMÓVEL
As incorporadoras estão inovando e recebendo aluguéis como entrada na compra de um apartamento. Funciona assim: quem se interessar, assina um contrato de locação por até trinta meses, com opção de compra, e passa a usufruir o imóvel; se após esse período, o inquilino mantiver seu interesse na aquisição, o valor total do aluguel será usado como uma espécie de “sinal” e abatido do preço previamente ajustado.

GASTOS EXTRAS NA AQUISIÇÃO DE IMÓVEIS
Apesar da crise, a aquisição da casa própria ainda é o sonho de grande parte dos brasileiros. No entanto, o comprador deve preparar o bolso para despesas que vão além do valor do imóvel. O imposto de transmissão (ITBI), que pode atingir até 3% do valor do imóvel, é o gasto extra mais salgado; depois, vêm os custos com escrituração e com o registro do imóvel em seu nome. Se houver financiamento, avaliação, seguro e outras taxas também vão impactar o preço

SITE FAZ COMPARTILHAMENTO DE IMÓVEIS E BARCOS
Como nem todo mundo – na verdade, pouquíssimas pessoas – podem ter uma casa na praia ou na serra, ou mesmo uma boa lancha, um empreendedor criou o portal “querocompartilhar.com.br”, que reúne pessoas dispostas a dividir os gastos com a compra e a manutenção de imóveis e barcos, e compartilhar tais bens de modo programado. O site já possui mais de 500 imóveis cadastrados.

COMPRANDO UM BEM IMÓVEL EM LEILÃO
Se você está pretendendo arrematar um bem imóvel em praça pública (leilão), prefira um que esteja desocupado, pois há boas chances do morador brigar um bom tempo na Justiça até ser obrigado a mudar-se. Também faça uma vistoria prévia, de preferência com o acompanhamento de um profissional habilitado. E verifique se o imóvel não possui dívidas – que você assumirá ao tornar-se seu proprietário (como IPTU, taxas, condomínios, água, luz etc.).

LEI EM RECIFE OBRIGA INSTALAÇÃO DE TELHADOS VERDES
Lei municipal já vigente na capital pernambucana, obriga os construtores de novos prédios residenciais, com mais de quatro pavimentos e com área coberta acima de 400 metros quadrados, a implantarem telhados verdes. O objetivo da norma é aumentar as áreas verdes e diminuir os efeitos do calor, já que um prédio com telhado verde pode chegar a uma temperatura até seis graus mais baixa do que no seu entorno.

CONHEÇA OS DIFERENTES TIPOS DE PISOS PARA IMÓVEIS
Na construção ou na reforma de um imóvel, podem surgir algumas duvidas sobre qual o melhor piso para cada ambiente. Antes de mais nada, é preciso saber que o mercado oferece, basicamente, quatro tipos de revestimento: o vinílico, o de madeira, os laminado e os porcelanatos. Depois, é importante analisar as necessidades e as características principais de cada ambiente.

COMO DIVIDIR UMA HERANÇA ENTRE VIÚVA E FILHOS
De acordo com a lei, o cônjuge sobrevivente casado pelo regime da comunhão universal de bens, não é herdeiro do cônjuge falecido, se houver concorrência com descendentes (filhos, netos, bisnetos); já o cônjuge sobrevivente casado pelo regime da comunhão parcial de bens, será herdeiro do cônjuge falecido, mas somente quanto aos bens particulares (adquiridos de forma gratuita, como por sucessão ou doação, durante o casamento), se houver concorrência com descendentes (filhos, netos, bisnetos).

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Caixa Reduz Juros do Crédito Imobiliário & Outras Notas

CAIXA REDUZ OS JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO A Caixa Econômica Federal anunciou a redução da …