Últimas Notícias
Home / Mercado / Jovens Compradores & Outras Notas

Jovens Compradores & Outras Notas

JOVENS COMPRADORES – I
Dados compilados pela Caixa Econômica Federal indicam que quase 45% dos compradores de imóveis financiados pela CEF tem menos que 35 anos de idade – o que aponta para um aumento da renda da população mais jovem. Esse público está interessado em residir próximo do seu local de trabalho e em local com uma boa infraestrutura de transportes, comércios e serviços.

JOVENS COMPRADORES – II
Analistas do mercado mostram que esses jovens compradores buscam imóveis compactos, de 34 a 60 m², com um a dois dormitórios (dependendo do seu estado civil e de terem filhos ou não), bem localizados e com áreas de lazer e serviços condominiais inclusos; para adquirentes com melhor renda, piscina, quadra poliesportiva, churrasqueira e parquinho infantil são fundamentais.

ECONOMIA CONDOMINIAL
Aparelhinho importado está conseguindo reduzir a vazão de água nos chuveiros e nas torneiras de condomínios paulistas, de uma média de 15 litros por minuto para 6 litros por minuto – volume que seria suficiente para uso doméstico sem desperdício. A informação é da Auxiliadora Predial, que estima uma economia de aproximadamente 30% nas contas d´água condominiais.

NOVO ESPAÇO COMUM
As incorporadoras também estão inovando nas áreas sociais dos condomínios, reconfigurando os salões de festas. A ideia é possibilitar que as pessoas que residem em edifícios compostos por apartamentos pequenos, tenham a chance de receber a visita de amigos e familiares em grandes e confortáveis ambientes de uso comum, como se estivessem em seus domínios particulares.

OPÇÃO SEGURA
A aquisição imobiliária sempre foi uma transação bem vista pelos brasileiros porque envolve um bem tangível; ou seja, diferentemente de outros tipos de investimentos, as pessoas conseguem tocá-lo. Por isso, de uma forma geral e mesmo em tempos de crise, os brasileiros veem os imóveis como uma boa opção de reserva de valor e uma forma segura de complementação de renda.

FGTS SEM FINANCIAMENTO
Muita gente ainda não sabe que pode usar seu FGTS para a aquisição de um imóvel residencial, independentemente de financiamento habitacional. Para tanto, basta que o negócio esteja de acordo com as regras do Fundo e que o comprador comunique ao banco sua intenção de realizar a operação. Mas, para a liberação do preço, certas cláusulas deverão ser incluídas na escritura.

TOP 100
Estudo desenvolvido pela Prospecta Inteligência Imobiliária para apontar as 100 melhores cidades brasileiras, com menos de um milhão de habitantes, para se investir em imóveis, analisou 94% das cidades do País. Segundo a empresa, o objetivo do trabalho é conduzir os investidores e empresários a lugares que são atrativos, mas para os quais ninguém está olhando.

LOCAÇÃO POR TEMPORADA
Como o período é de férias, aqui vai uma breve explicação sobre a locação por temporada: por ela, o locador se compromete, mediante um preço previamente acertado, a ceder ao locatário o uso de um imóvel por tempo determinado, cujo prazo máximo não pode exceder 90 dias. A Lei do Inquilinato permite que, nesses casos, o aluguel seja cobrado integralmente por antecipação.

Fonte: CARLOS ALCEU MACHADO (www.cam.adv.br)

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Caixa Reduz Juros do Crédito Imobiliário & Outras Notas

CAIXA REDUZ OS JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO A Caixa Econômica Federal anunciou a redução da …