Últimas Notícias
Home / Mercado / Perfil de Comprador & Outras Notas

Perfil de Comprador & Outras Notas

PREJUÍZO COM A COPA
De acordo com a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança, o montante dos empréstimos destinados à compra e à construção de imóveis, em junho, foi 19% menor na comparação com o mesmo mês do ano anterior. A última vez que a Abecip registrou uma queda semelhante, embora menor (6%), foi em setembro de 2012. Reflexo da Copa do Mundo.

SEMESTRE POSITIVO
Apesar do descontentamento de alguns setores com a economia, o mercado imobiliário reagiu bem no primeiro semestre do ano. De janeiro a junho, foram financiados mais de 256 mil imóveis, o que representou um aumento de 4,6% em relação ao mesmo período de 2013. E, ao contrário do que muitos pensam, a inadimplência continua baixa: só 1,8%, para atrasos superiores a 90 dias.

LAZER EM ÚLTIMO LUGAR
Estudo da Inteligência de Mercado da Lopes indica que somente 1% das pessoas que já compraram um imóvel, estão interessadas em adquirir um outro para lazer. A grande maioria (72%) continua buscando uma moradia, seguida dos investidores (21%). Dentre aqueles que ainda não tem nenhum imóvel, a grande prioridade é a casa própria (96%), seguida dos investimentos (4%).

A IDADE DETERMINA
Outra pesquisa da Lopes mostra que a idade é um fator preponderante quando se trata de possuir um imóvel. Dentre as pessoas com até 29 anos, apenas 17% tem casa própria; entre 30 e 39 anos, o percentual sobe para 43%; dos 40 aos 49 anos, alcança 72%; e, acima dos 50 anos, chega a 86%. Nessa última faixa, 59% adquiriu dois ou mais imóveis ao longo da vida.

PERFIL DE COMPRADOR
Jovem solteiro e sem filhos, buscando o primeiro imóvel – esse é o perfil do comprador de imóvel nas principais capitais brasileiras em 2014. A alteração no comportamento do mercado, vista no setor da construção há pelo menos cinco anos, tem feito com que as construtoras foquem em empreendimentos que atendam à expectativa desse cliente mais “descolado”, conforme o DCI/SP.

UM BOM DESCONTO
Ainda é grande o número de compradores imobiliários que desconhece o ótimo benefício financeiro assegurado pelo art. 290 da Lei nº 6.015/73. A norma determina que o adquirente do primeiro imóvel residencial pronto, quitado com financiamento do SFH, pagará apenas metade das despesas com escrituração e registro. Não é pouca coisa, principalmente nos dias que correm.

TAXA DE EVOLUÇÃO DA OBRA
Principalmente nas grandes cidades, os consumidores de imóveis financiados estão encarando um despesa chamada “taxa de evolução da obra” (também conhecida como “seguro da obra”), cobrada dos compradores de imóveis na planta. Essa taxa serviria para proteger o adquirente de uma eventual quebra da construtora, mas a Justiça está entendendo que sua cobrança é ilegal.

CONTRATAÇÃO LIBERADA
Até pouco tempo atrás, não era possível a uma mesma pessoa contratar mais do que um mútuo habitacional. Hoje em dia, porém, essa vedação é válida apenas para os chamados financiamentos sociais, que tem juros menores, prazos maiores e até subsídios especiais; no Sistema de Financiamento Imobiliário, as pessoas podem contratar quantos empréstimos sua capacidade de pagamento suportar.

300% DE CRESCIMENTO
Nos últimos cinco anos, triplicou a busca de imóveis através da internet. De acordo com o ImovelWeb, a cada mês cerca de oito milhões de pessoas, em todo o País, acessam sites ligados ao setor, e a quase totalidade dos interessados em adquirir ou locar um imóvel, em algum momento utiliza os serviços de busca dos portais e sites imobiliários.

Fonte: CARLOS ALCEU MACHADO (mais Notas no site)

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Minha Casa, Minha Vida Tem Novas Regras & Outras Notas

MINHA CASA, MINHA VIDA TEM NOVAS REGRAS A Portaria nº 160 do Ministério das Cidades …