Últimas Notícias
Home / Mercado / Pets Ganham Espaços & Outras Notas

Pets Ganham Espaços & Outras Notas

BESTEIROL
Impressionante a quantidade de besteiras que certos “analistas” dizem sobre o setor imobiliário. Nessa semana, um deles chegou ao ponto de afirmar à mídia que “se o mercado estivesse tão saudável, não precisaria haver corretor de plantão, trabalhando no sábado, domingo e feriado.” Fantástico! O cara percebe como fraqueza um dos mais claros indicativos de mercado aquecido, em qualquer parte do mundo.

SITUAÇÃO NORMAL
Qualquer mercado, após um período de crescimento vertiginoso, entra em fase de acomodação. É o que acontece atualmente com o setor imobiliário, onde os preços estão se estabilizando e os compradores estão mais conscientes. Nada que lembre, nem de longe, um problema estrutural. Nesse quadro, descontos, promoções e acirramento da concorrência entre as construtoras e incorporadoras, são ingredientes absolutamente naturais.

NOVO RITMO
Na verdade, o mercado imobiliário já esteve muito mais quente. Nos últimos meses, as vendas declinaram ao natural, depois de três anos de contínua expansão, enquanto que os preços entraram em processo de desaceleração, passando apenas a acompanhar os passos da inflação. Mas nenhum sinal de bolha ou de queda generalizada de preços, como pregam os desavisados.

VENDA CASADA
Em um prospecto que fala sobre os juros dos financiamentos habitacionais, consta o seguinte: “Dependendo do seu nível de relacionamento com a Caixa, a redução pode chegar a 9,2% ao ano. E se você tiver conta-salário na Caixa, esta taxa pode ser ainda menor”. Ou seja, a CEF adotou o jeitinho brasileiro para institucionalizar a venda casada – aquela mesma que é proibida pelo Código de Defesa do Consumidor.

O USO DO FGTS
Os beneficiários do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço podem utilizá-lo de várias maneiras: dar de entrada em um negócio imobiliário, abater ou quitar o saldo devedor de mútuo habitacional ou pagar até 80% do valor das prestações de um financiamento. Essas operações só valem para imóveis residenciais e os interessados na liberação dos recursos devem se enquadrar nas normas que regulam o FGTS.

PETS GANHAM ESPAÇOS
Pesquisas mostram que aproximadamente 50% dos apartamentos existentes no país, também são habitados por algum animal de estimação. Em função disso, muitos condomínios estão criando espaços especiais, destinados a abrigar a bicharada durante a ausência dos donos. Os veterinários aconselham que esses locais, já chamados de “petcare”, tenham ao menos 50 m² e fiquem distantes das áreas de circulação de pessoas.

COMPRANDO IMÓVEL RETOMADO
Adquirir imóvel retomado por credor hipotecário ou fiduciário, exige mais atenção do que supõe nossa vã filosofia. Os preços podem ser convidativos, mas muitas vezes são acompanhados de grande dor de cabeça. Caso típico é o do imóvel vendido por um banco que não se deu ao trabalho de desalojar o antigo proprietário. Em 99,99% dos casos, o comprador leva junto um problemão.

R$ 79,7 BI EM 12 MESES
De outubro de 2011 a setembro de 2012, o volume de financiamentos habitacionais com a utilização de recursos da poupança, chegou perto dos oitenta bilhões de reais. No último mês de setembro, a captação líquida das cadernetas (diferença entre depósitos e saques) alcançou R$ 4,27 bilhões – o melhor resultado para o mês de setembro desde 1994, quando foi criado o novo padrão monetário nacional.

LUCRO EM QUEDA
Apesar de ainda ser o maior banco da Eurozona, o Santander registrou uma queda de 60% no seu lucro líquido, no acumulado de janeiro a setembro de 2012, em comparação com os mesmos nove meses de 2011. O problema é consequência de grandes provisões feitas pelo banco, para precaver-se contra inadimplências no mercado imobiliário espanhol. Rescaldo da bolha dos EUA.

Fonte: CARLOS ALCEU MACHADO (veja mais comentários no Site, no Facebook e no Twitter)

Sobre Administrador

Veja também

Caixa Reduz Juros do Crédito Imobiliário & Outras Notas

CAIXA REDUZ OS JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO A Caixa Econômica Federal anunciou a redução da …