Últimas Notícias
Home / Editores / Carlos Alceu / Queda dos Juros Anima o Mercado Imobiliário & Outras Notas

Queda dos Juros Anima o Mercado Imobiliário & Outras Notas

QUEDA DOS JUROS ANIMA O MERCADO IMOBILIÁRIO
A expectativa de que os juros básicos cheguem a menos de 10% ao ano até o fim de 2017 animou a construção civil. Os lançamentos na planta devem voltar no segundo semestre, de acordo com incorporadoras, juntamente com os mais de 200 mil empregos perdidos em 2016. A recuperação ainda esbarra nos estoques de imóveis prontos ou em construção.

CRESCE A PERMUTA DE TERRENOS POR ÁREA CONSTRUÍDA
Com a crescente escassez de terrenos disponíveis para a construção civil, a permuta de imóveis está sendo cada vez mais utilizada pelo mercado. A depender da área e da localização, quem repassa um terreno a uma incorporadora ou construtora pode receber de volta até 15% das unidades que serão construídas no local.

DISTRATOS ATINGIRAM 45% DAS UNIDADES VENDIDAS
Dados da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias apontam que 37.700 imóveis tiveram as vendas canceladas – ou seja, ocorreu a rescisão do contrato de compra – entre janeiro e outubro de 2016, o que corresponde a 45% das unidades vendidas no mesmo período. Os dados consideram as operações das dezenove maiores incorporadoras do País.

PERSPECTIVAS SÃO DE CRESCIMENTO DO MERCADO IMOBILIÁRIO
Novas regras do financiamento habitacional anunciadas pela Caixa Econômica Federal e a melhora das perspectivas econômicas, prometem dar um novo fôlego para o mercado imobiliário, que até 2013 viveu tempos áureos. Entre 2014 e 2016, com as incertezas políticas e a desaceleração da economia, houve uma queda; porém, agora o cenário é outro e a tendência é que o mercado retome seu ciclo de crescimento.

LANÇAMENTO DE IMÓVEIS DISPAROU EM NOVEMBRO DE 2016
Os lançamentos de imóveis cresceram 76,1% e as vendas aumentaram 9,8%, em novembro, na comparação com o mesmo mês do ano passado, segundo o índice Abrainc-Fipe, que abrange projetos em todo o país. O índice foi desenvolvido pela Associação Brasileira das Incorporadoras Imobiliárias em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas.

PESQUISA MOSTRA VALORES MÉDIOS DO METRO QUADRADO
Pesquisa realizada em vinte cidades brasileiras mostrou que os imóveis se valorizaram, em média, 0,57% durante o ano passado, enquanto que o preço médio do metro quadrado do imóvel alcançou R$ 5.568,00. Ao final de 2016, o valor médio do metro quadrado nas 20 cidades pesquisadas ficou em R$ 7.662,00. O Rio de Janeiro continua sendo a cidade com o metro quadrado mais caro do país (R$ 10.214,00), seguida por São Paulo (R$ 8.641,00).

VALOR DE LEILÃO DO IMÓVEL ALIENADO FIDUCIARIAMENTE
O governo prepara mudanças nas regras da alienação fiduciária – que garante a retomada do imóvel em caso de inadimplência do comprador – para dar mais segurança jurídica ao instrumento. Uma das mudanças seria definir claramente a regra de preço mínimo para o imóvel ir a leilão: o estipulado no contrato ou o dado pelo Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), o que for maior.

GOVERNO ITALIANO ESTÁ OFERECENDO CASAS DE GRAÇA
Para repovoar o vilarejo “Comune de Gangi”, na Sicília, o governo italiano está oferecendo casas de graça aos interessados em morar no local. O lugar tem apenas sete mil habitantes e sua população vem diminuindo. A única obrigação que o novo dono de uma moradia terá é de reformá-la, mas respeitando as características originais do imóvel, que é da Idade Média.

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Aluguéis Poderão Ser Reduzidos Em Julho & Outras Notas

ALUGUÉIS PAGOS POR INQUILINOS PODERÃO SER REDUZIDOS O IGP-M (Índice Geral de Preços de Mercado), …