Últimas Notícias
Home / Mercado / Renda com Locação & Outras Notas

Renda com Locação & Outras Notas

USADOS & MENOR PREÇO
Confirmando uma tendência que vinha sendo observada nos últimos meses do ano passado, 2013 começou com os imóveis usados e os de menor valor (até R$ 200 mil) tendo uma boa procura. Mas nem por isso os compradores deixaram de recorrer aos mútuos habitacionais. A grande maioria ainda precisa – ou tem interesse em – contratar financiamento para pagar a aquisição.

CEF REDUZ JUROS
Possivelmente estimulada pela redução do número de imóveis financiados com valor superior a R$ 500 mil, a CEF decidiu diminuir em 0,50% o juro anual para esse tipo de transação. A partir de 15 de janeiro, quem tem conta salário ou é cliente da Caixa, viu a taxa cair de 8,9% para 8,4%; os demais pagam 9,4%, ao invés de 9,9%. Para os servidores públicos, os juros ficam agora em 8,3%.

MENOS LANÇAMENTOS
De acordo com um levantamento do Secovi, o mercado de lançamentos residenciais em São Paulo registrou uma queda de mais de 23% entre janeiro e novembro de 2012, comparativamente com o mesmo período de 2011. As unidades com 2 dormitórios continuaram liderando as ofertas, representando cerca de 50% do total. Esse percentual deve recuar em 2013.

CARTILHA DO PROCON
Pesquisa do Procon paulista revelou um aumento de 500% no número de reclamações envolvendo construtoras e incorporadoras. As maiores queixas relacionaram-se com cobrança indevida de taxas, descumprimento contratual e problemas de construção. A coisa ficou tão ruim que o órgão resolveu editar logo duas minuciosas cartilhas, destinadas a proteger os consumidores.

ALUGUÉIS COMERCIAIS
Apesar do indexador que corrige uma boa parte dos aluguéis ter acumulado alta relativamente pequena em 2012, de 7,81%, o mercado de locações comerciais está propício a negociações. Isso porque, como a oferta de lojas superou a demanda na maioria das regiões (e a propensão é de alta), muitos locadores estão dispostos a negociar para não perder seus locatários.

A RENDA COM LOCAÇÃO
Segundo o Índice FipeZap e o BC, a renda com locação residencial na capital paulista chega a 0,49% ao mês, em média, sobre o valor venal do imóvel. Considerando-se que a nova poupança vem pagando 0,41% ao mês e que o capital do poupador é corroído com o passar do tempo, o imóvel continua sendo o investimento conservador mais atrativo.

IMÓVEIS DE LUXO
Ao contrário do que muitos pensam, o ramo dos imóveis de luxo segue de vento em popa no país. Apesar de não existirem estatísticas, é consenso no mercado que 2012 foi um ano de extraordinários ganhos para as empresas que se dedicaram a esse segmento. Que o diga a financeira CrediPronto, que quase duplicou os empréstimos habitacionais de valor superior a um milhão, e a incorporadora JHSF.

TENDÊNCIAS DO MARKETING
O conhecido blog MarketingImob confirma: anúncios patrocinados, mídias sociais, aplicativos para móbiles e portais de busca devem ser as maiores apostas em 2013 na área do marketing imobiliário. Com a influência da internet aumentando constantemente – diante do aumento da velocidade de navegação e da expansão da rede de computadores no Brasil -, isso é dado como certo.

CRÉDITO EM ALTA
Estudo realizado pelo Serasa mostra que em 2013 o financiamento imobiliário alcançará o primeiro lugar dentre as modalidades de empréstimos destinados às pessoas físicas. De 2008 para 2012, o crédito habitacional saltou da 5ª posição, com R$ 63 bilhões para o 2º lugar, com R$ 270 bilhões. No ano passado, o crédito para a compra de imóveis só perdeu para o crédito pessoal.

Fonte: CARLOS ALCEU MACHADO (veja mais comentários no Site, no Facebook e no Twitter)

Sobre Carlos Alceu Machado

Veja também

Caixa Reduz Juros do Crédito Imobiliário & Outras Notas

CAIXA REDUZ OS JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO A Caixa Econômica Federal anunciou a redução da …