Últimas Notícias
Home / Cidades / Sustentabilidade / Turbine City – Turismo Sustentável

Turbine City – Turismo Sustentável

Turbine City no mar da NoruegaA União Europeia estabeleceu a meta de ter 20% de seu fornecimento energético proveniente de fontes renováveis em 2020. A Noruega tem a capacidade de ultrapassar esse patamar e tornar-se exportadora deste que será um importante bem econômico da UE.

A Noruega é considerada o lugar com melhores condições de utilização de energia eólica no mar do mundo. Graças à expertise adquirida com a extração de petróleo no oceano, o país prepara-se para tornar-se referência em uso de energia renovável – aliando a isso o ecoturismo.

“Turbine City” – em português, Cidade das Turbinas – é o nome de um projeto que um grupo de arquitetos criou com o objetivo de contribuir para o aumento da produção de energias renováveis na Noruega. No caso, a energia seria a eólica e a cidade costeira escolhida Stavanger. Lá seriam instaladas 49 turbinas eólicas, duas das quais usadas pelas pessoas: uma seria um hotel, outra um museu.

A idéia de construir um resort de mais 30.000 m2 dentro de uma central eólica no meio do mar da Noruega, transformando as turbinas pouco populares (símbolo das energias renováveis) em uma atração turística de prestígio, foi criada pelo estudio OnOffice.

A região de Stavanger é conhecida por seu esplendor natural – o objetivo do projeto é, também, criar um marco comparável aos existentes em Paris e Roma, entre outros, atraindo a atenção mundial – além de participar da imensa oportunidade que é a revolução rumo à sustentabilidade.
[table id=3/]

Sobre Administrador

Veja também

AIDS: entre a cura possível e um novo surto mundial

Apesar dos progressos da pesquisa, desde a primeira descrição da AIDS, em junho de 1981, …