Últimas Notícias
Home / Mercado / VALOR DO ALUGUEL EM QUEDA & OUTRAS NOTAS

VALOR DO ALUGUEL EM QUEDA & OUTRAS NOTAS

ALUGUEL PERDE VALOR REAL
Levantamento do Conselho Federal de Corretores de Imóveis mostra que os valores reais dos aluguéis vêm caindo. Nos últimos cinco anos, o retorno mensal médio da locação era de aproximadamente 0,65% do preço do imóvel, contra aproximadamente 0,45% hoje. Os aluguéis sempre foram baseados num porcentual em relação ao valor de comercialização, mas nos últimos anos isso mudou porque os aluguéis não conseguem acompanhar percentualmente a acelerada alta do valor de venda dos imóveis.

POLICARBONATO NA CONSTRUÇÃO CIVIL
O policarbonato, também conhecido como termoplástico, é um material transparente com grande tenacidade e resistência a impactos (200 vezes superior ao vidro); outra característica interessante do produto é a possibilidade dele ser moldado sem necessidade de emendas, já que é totalmente maleável. Por conta disso, e da boa relação custo-benefício desse material, as empresas da construção civil estão de olho no policarbonato.

NOVA FONTE DE CRÉDITO
O Conselho Curador do FGTS liberou uma nova linha de crédito ao mercado imobiliário. A linha, com recursos de R$ 300 milhões para 2012, leva o nome de FIMAC/FGTS e é destinada ao financiamento de reforma, ampliação ou construção de imóveis residenciais. O valor do empréstimo pode alcançar o teto de R$ 20.000,00, com taxa de juros máxima de 12% ao ano e prazo de amortização de até 10 anos, com prestações calculadas pelo Sistema de Amortização Constante ou pela Tabela Price.

A EXCLUSIVIDADE E O JUDICIÁRIO
Como se sabe, o Conselho Federal de Corretores de Imóveis exige que os proprietários concedam exclusividade a algum corretor ou imobiliária para vender ou locar seu imóvel, sob pena do mesmo não poder ser anunciado publicamente. Entretanto, a Justiça vem entendendo que o proprietário é quem deve dizer quantas imobiliárias e/ou corretores farão a publicidade e a negociação do seu imóvel. Para o Poder Judiciário, a exigência do COFECI restringe o direito ao exercício profissional, é contrária ao Código de Defesa do Consumidor e atenta contra a livre concorrência.

A INTERNET E O MERCADO
Hoje o Brasil tem cerca de 80 milhões de pessoas conectadas à internet, seja em casa, no trabalho, na lan house ou no celular. Em nvirtude desse número expressivo de internautas, o Google e a TNS realizaram uma pesquisa que mostrou que 56% do processo de decisão de compra de um imóvel é realizado on-line. E as ferramentas de busca têm alta influência tanto nas fases iniciais quanto no final do processo de escolha do imóvel.

COMO DIVULGAR SEU IMÓVEL À VENDA
O primeiro passo para quem decide vender uma casa ou apartamento é, sem dúvida, divulgar o imóvel através dos mais diversos meios. A iniciativa pode e deve ir além dos rotineiros anúncios em classificados de jornais. Portanto, cabe ao vendedor recorrer a novas alternativas capazes de facilitar e ampliar o alcance da divulgação de seu imóvel. Algumas delas são as mídias sociais, os buscadores de imóveis na internet, o e-mail marketing e o conhecido boca a boca.

CORRETOR DE IMÓVEIS E MÍDIAS SOCIAIS
É divulgando informações que o corretor de imóveis atrai a atenção e desperta o interesse de seu público-alvo, e com o avanço das redes sociais criou-se um espaço tentador para os corretores fazerem isso. Contudo, não se deve utilizar os canais sociais como se fossem anúncios classificados. Quando se fala em redes sociais, fala-se em relacionamentos; e consumidores preferem se relacionar com quem lhes traga informações relevantes. Existem vários exemplos de corretores que já perceberam isso, e não só se destacam nas redes, como realizam um bom volume de negócios através delas.

DIFERENÇA ENTRE DIMOB E DOI
A Declaração de Informações sobre Atividades Imobiliárias (DIMOB) deve ser prestada pelas pessoas jurídicas que construíram, incorporaram, lotearam e promoveram a venda de unidades imobiliárias, assim como pelas imobiliárias e administradoras que intermediaram vendas e aluguéis de imóveis. Já a Declaração de Operações Imobiliárias (DOI) deve ser apresentada pelos serventuários da justiça e pelos oficiais dos cartórios de Notas (Tabelionatos), de Registro de Imóveis e de Títulos e Documentos, que ficam obrigados a comunicar à Secretaria da Receita Federal os documentos lavrados, anotados, matriculados, registrados e averbados em seus cartórios, que caracterizem aquisição ou alienação de imóveis, realizada por pessoa física ou jurídica, independentemente de valor.

Por Carlos Alceu Machado (www.cam.adv.br)

Sobre Administrador

Veja também

A Hora de Investir em Imóveis é Agora & Outras Notas

A HORA DE INVESTIR EM IMÓVEIS É AGORA Após pelo menos dois anos de queda …